Referências Visuais

Olá você que me acompanha todas as sextas aqui no blog! Muito bem vindo também você que me visita pela primeira vez!

Quando fiz a postagem passada mostrando o progresso (lápis, arte final e desenho pronto para a entrega) do casal, muitos vieram me perguntar como fazia para que os desenhos ficassem com tantos detalhes ou tão convincentes. Houveram comentários como: “meus desenhos não tem tanta leveza”; “nossa! parece que posso encontrar gente vestida assim nessas feiras medievais!”; ou ainda “porque quando eu faço não ficam naturais assim?”. Algumas pessoas acham que desenho é algo completamente mágico. A mágica até acontece… depois de muito treino e estudo.

Mas apesar de estudar bastante, tem coisas que não temos de pronto na memória. Já joguei basquete, mas não tenho como lembrar realmente como seria a sequencia de um lance livre. Apesar de ter visitado várias igrejas e catedrais, não tenho uma memória fotográfica que me permita reproduzir isso em uma encomenda.

Para que sua ilustração, desenho ou história fique realmente bacana e convincente, o planejamento pode ser algo bastante saudável (já que todo mundo que desenha sabe o quanto é difícil acertar de primeira)!

Após o briefing ou mesmo depois de pensar em uma possível história, normalmente faço vários rascunhos (nesse momento, ainda sem me preocupar com referências). Trabalho estes rascunhos de uma forma que agrade ao cliente e a mim e, quando estiver definido como será feito, as referências visuais se tornam grandes aliadas para mim. Seja para acertar uma proporção, seja para acertar uma postura de personagem, seja para vesti-lo ou até mesmo texturas que gostaria de aplicar para deixar o desenho cada vez mais rico.

Abaixo, vão dois exemplos que já postei aqui no site. O de uma história autoral e de uma ilustra encomendada:

wp-1479489233736.jpg

wp-1479489229218.jpg

Nos dois casos, as referências enriqueceram muito a produção. O ‘Histórias Des’Contadas 2″ de basquete, tive a sorte de encontrar referências bem similares ao que eu planejei no esboço da página. Já no caso do “Casamento Sombrio”, o rascunho que fiz mostrava o casal em um posicionamento que não seria fácil de encontrar, então, juntei a turma no dia do jogo de RPG para tirarmos fotos de referência para me ajudar com a posição e proporção do casal neste ângulo que não é tão comum, o que enriqueceu demais o resultado final.

Estou trabalhando feito louca em umas páginas, então agradeço demais todo o apoio, força e resposta boa que tenho de vocês. Vocês são maravilhosos! Obrigada!

Espero que tenham gostado e até a próxima sexta!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s